Artigos

porCIPERJ

A saúde que queremos e que o Brasil precisa

fonte: Veja

por David Uip, médico infectologista

Sistema Único de Saúde (SUS), criado em 1988, é uma conquista da sociedade brasileira. Um dos maiores programas de inclusão de todo o mundo objetiva a regulamentação, a monitorização e a avaliação do sistema nacional de saúde, seja do setor público ou do privado. Por definição, o SUS é público e não estatal. Após 30 anos, a despeito de grandes avanços na atenção primária, na secundária, na assistência LLeia mais

porCIPERJ

CBPF, chame o árbitro de vídeo

fonte: O Globo

por Alfredo Guarischi, médico

Leitor amigo, não escrevo sobre a CBF ou a PF, mas parece que algo não combinado com os russos foi combinado com algum chinês, e o caso é para chamar a Polícia Federal.

Uma surpreendente portaria (2.894, de 12 de setembro de 2018) revoga a obrigatoriedade do Certificado de Boas Práticas de Fabricação (CBPF) da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) nas licitações públicas para adquirir medicamentos para os pacientes do Sistema LLeia mais

porCIPERJ

Planos dos presidenciáveis ignoram fila de espera de 1 milhão por cirurgias

fonte: Folha de SP

por Claudia Collucci, repórter de Saúde

Todo ano eleitoral é a mesma ladainha. A saúde sempre aparece como principal reclamação do eleitor, mas nem de longe se traduz como prioridade nos planos de governo dos candidatos. É o que fica claro nas propostas apresentadas pelos presidenciáveis no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Em geral, os planos são genéricos, sem metas específicas e não consideram o cenário de crise econômica e de ajuste fiscal enfrentado LLeia mais

porCIPERJ

Os convênios médicos e a glosa malandra

fonte: Folha de SP

por Julio Abramczyk – Médico, vencedor dos prêmios Esso (Informação Científica) e J. Reis de Divulgação Científica (CNPq).

Médicos e pacientes com frequência se ressentem do relacionamento com alguns convênios médicos.

Os doentes, pela dificuldade em marcar procedimentos, consultas ou exames especializados.

Os médicos, pela presença da “glosa malandra”. Ela sempre surge quando os médicos devem receber a remuneração por serviços já prestados.

Pesquisa LLeia mais

porCIPERJ

Ensino médico, ética e Drs. Bumbum

fonte: Folha de SP

por Raul Cutait – Professor do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina da USP e membro da Academia Nacional de Medicina

Há poucas semanas páginas de jornais e a mídia social foram manchadas com o caso do Dr. Bumbum, que teve uma paciente que veio a falecer em decorrência de procedimento cirúrgico realizado, pasmem, em seu próprio apartamento.

Esse é, sem dúvida, um caso grave de falta de ética, vírus agressivo que tem contaminado a humanidade.

A ética LLeia mais

porCIPERJ

Rever renúncias fiscais é alternativa para melhorar financiamento no SUS

fonte: Folha de SP

por Cláudia Collucci

O sistema de saúde brasileiro está subfinanciado, mal avaliado, os indicadores epidemiológicos só pioram, mas existem saídas. Sobretudo se o país fizer reformas urgentes e necessárias. Essa foi a principal mensagem do caderno E agora, Brasil?- saúde, o quarto da série especial que a Folha publica ao longo de 2018. Em ano de eleições, o objetivo é apresentar diagnósticos e discutir propostas.

Um dos vários debates interessantes tratou do LLeia mais

porCIPERJ

Congresso ainda está devendo a reforma do SUS

fonte: O Globo | editorial

Entrou em vigor semana passada uma nova lei (13.714) que garante assistência integral na rede pública de saúde, inclusive com fornecimento de medicamentos, a quem mora na rua ou em locais precários e não tem como comprovar residência.

A iniciativa da Câmara, ampliada pelo Senado, tem mérito caritativo —e somente isso. Na prática, reflete a equidistância assumida pelo Legislativo em relação ao problema central: a necessária e urgente LLeia mais

porCIPERJ

ARTIGO: Ativismo e má gestão prejudicam vacinação no país

fonte: O Globo | Editorial

Apesar da mobilização nacional contra o sarampo e a poliomelite, no último sábado, quando mais de 36 mil postos de saúde funcionaram em todo o país, os índices de cobertura vacinal dessas doenças ainda permanecem longe da meta. Segundo o Ministério da Saúde, a campanha atingiu, até segunda-feira, pouco mais da metade (51%) do público-alvo, ou seja, 5,7 milhões do total de 11,2 milhões de crianças de um a 5 anos incompletos. O objetivo LLeia mais

porCIPERJ

Artigo: A delicada escolha do novo ministro da Saúde

fonte: O Globo

por Alfredo Guarischi

O cargo de ministro da Saúde estará, em breve, vago. Graças a Deus!

A permanência no cargo foi em média de 20 meses nos últimos 50 anos, e o ministro que mais tempo permaneceu na função foi o médico Waldyr Arcoverde, por 65 meses, no governo do General Figueiredo. O médico Paulo Machado permaneceu, por 60 meses, no governo do General Geisel; o economista José Serra, por 47 meses, no segundo governo de Fernando Henrique Cardoso; o médico José Temporão, LLeia mais