CREMERJ se posiciona contra não médicos acompanharem gestantes

porCIPERJ

CREMERJ se posiciona contra não médicos acompanharem gestantes

fonte: Cremerj

O CREMERJ se posicionou contrário ao item 143 da Consulta Pública 81, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), acerca do rol de procedimentos na rede privada. A proposição do órgão sugere o acompanhamento pré-natal por enfermeiro obstetra ou obstetriz.

O Conselho redigiu um documento, com seu posicionamento oficial, em que destaca que “tal sugestão vai frontalmente contra a Lei 12842, de 10 de julho de 2013, que regulamenta o exercício da medicina; traz riscos às gestantes e recém-nascidos atendidos pela saúde suplementar; e tem potencial de aumentar as já elevadas taxas de mortalidade materna do nosso país”.

Clique aqui e confira o documento na íntegra!

Sobre o Autor

CIPERJ administrator

Desde sua criação, a CIPERJ tem como principal objetivo unir a classe no Estado do Rio de Janeiro, lutando por seus direitos e, principalmente, por condições de trabalho ideais. Além disso, a entidade é responsável pela atualização de seus associados. Para isso, realiza reuniões científicas e divulga cursos e eventos que sejam importantes para o desenvolvimento do profissional.